Goucha e Júlia Pinheiro querem voltar a trabalhar juntos

Goucha e Júlia Pinheiro querem voltar a trabalhar juntos

Numa entrevista reveladora à revista Boa Onda, Júlia Pinheiro e Manuel Luís Goucha expressaram o seu desejo de voltar a trabalhar juntos na televisão nacional. Apesar de já terem partilhado o palco em projetos anteriores, como o programa “Uma Canção Para Ti” na TVI, há mais de uma década, os apresentadores estão ansiosos por uma nova colaboração.

A entrevista destacou a forte ligação entre os dois profissionais e a afinidade que partilham não apenas no ambiente de trabalho, mas também na vida pessoal. Júlia Pinheiro, elogiando Goucha, afirmou: “É nossa convicção. Seria uma pena que duas pessoas que se entendem tão bem na antena e na vida, com tanta ligação, não voltassem a trabalhar. Faríamos um programa de conversas, mas um programa de entretenimento também vai muito bem.”

A admiração é recíproca, com Manuel Luís Goucha tecendo elogios à sua colega: “É a pessoa que mais amo na televisão e, possivelmente, a seguir à minha mãe e ao Rui, é a pessoa que mais amo na vida. Gosto muito da profissional, do arrojo, do ser afoita, revolucionária, sabedora, interessada, tem muita coisa que eu aprecio num ser humano.”

A cumplicidade e o respeito mútuo entre Goucha e Júlia Pinheiro são evidentes, e os elogios não se limitam ao âmbito profissional. Ambos reconhecem as qualidades notáveis um do outro como seres humanos.

Um ponto de destaque na entrevista foi a declaração de Manuel Luís Goucha sobre o seu contrato com a TVI, revelando que em 2025 estará “no mercado”. Esta afirmação abre a porta para especulações sobre a possibilidade de Goucha se juntar à SIC, onde Júlia Pinheiro é diretora de Conteúdos, para protagonizarem um novo desafio televisivo.

A expectativa em torno deste possível reencontro entre dois ícones da televisão portuguesa certamente deixará os fãs entusiasmados. Resta aguardar para ver se em 2025 a dupla Goucha e Júlia Pinheiro voltará a brilhar nos ecrãs, proporcionando momentos de entretenimento e cumplicidade televisiva.