Ruben Aguiar Quebra o Silêncio em Entrevista: “Roubaram-me a Liberdade com Injúrias e Mentiras”

Ruben Aguiar Quebra o Silêncio em Entrevista: “Roubaram-me a Liberdade com Injúrias e Mentiras”

Ruben Aguiar, o cantor madeirense acusado de tentativa de homicídio, rompeu o silêncio em uma entrevista exclusiva a Manuel Luís Goucha na TVI.

O artista, atualmente em prisão domiciliária, expressou sua versão dos eventos relacionados com a alegada altercação que resultou num atropelamento em abril de 2023.

Em um desabafo emocional, Aguiar afirmou que sua liberdade foi roubada após ser-lhe decretada a medida mais grave, a prisão preventiva. “Eu acho que a mim roubaram-me a liberdade porque num estado de direito democrático, todos os cidadãos têm direito ao benefício e eu não tive”, lamentou o cantor.

Aguiar, sem antecedentes criminais, defendeu sua integridade, declarando: “O meu cadastro está completamente limpo.” Ele refutou as acusações feitas contra si, que incluíram alegações de atropelamento intencional. “Disseram várias injúrias e várias mentiras. Disseram que eu passei por cima do corpo do homem, para a frente e para trás [com o carro], e depois passei e fugi”, esclareceu.

O cantor sugere que as acusações podem ter sido parte de uma campanha de difamação ou uma tentativa de justificar alegações não fundamentadas. “Este mundo das artes é um mundo cruel e quer queiramos, quer não, não é normal um madeirense estar a brilhar em Portugal e eu estou a sentir isso, que é por eu ser madeirense que me estão a fazer isso”, revelou Aguiar, expressando a sua suspeita de discriminação.

O entrevistado também compartilhou a difícil situação de estar impedido de retornar à sua casa na ilha, devido ao perigo de fuga alegado pelas autoridades. A entrevista completa está disponível para visualização, oferecendo uma visão mais detalhada da perspectiva de Ruben Aguiar sobre os acontecimentos que levaram à sua atual situação judicial.

Vê aqui o vídeo.

Fonte :